sábado, 13 de maio de 2017

1980 - Jogos Históricos (Flamengo 3 X 2 Atlético/MG) / Campeão Brasileiro



O primeiro passo rumo ao Mundo, quando o Flamengo foi eliminado pelo Palmeiras do Brasileiro de 1979, com uma goleada de 4 a 1, cronistas de todo o país apressaram-se em dizer que o rubro-negro era um time de conquistas regionais e que Zico não passava de um "jogador de Maracanã".



O time passou pela primeira fase do Brasileiro de 1980 com apenas um tropeço, o de 2 a 1 para o Botafogo-PB, dentro de casa, e que acabou enfim servindo de alerta.

O time foi superando os obstáculos, incluindo uma vingança no confronto com o Palmeiras (2 a 2 e 6 a 2), e uma dramática semifinal com o Coritiba, que foi derrotado por 2 a 0 no Paraná, mas que vendeu caro a derrota no Maracanã - fez 2 a 0, tomou a virada de 4 a 2, descontou e quase chegou ao empate, restava a decisão.

O adversário, Atlético-MG, possuía um time de respeito, com alguns craques consagrados. Um osso duro de roer. Em Belo Horizonte, o Flamengo perdeu por 1 a 0, gol de Reinaldo, que voltou a dar trabalho no Maracanã, empatando nas duas ocasiões em que o Galo esteve em desvantagem, numa delas pulando feito saci, numa perna só. 

O primeiro gol do Flamengo foi de Nunes num lançamento espetacular de Zico que deixou o atacante cara a cara com goleiro João Leite e o segundo do Mengão foi de Zico num bate e rebate na área atleticana e que sobrou para o Galinho de Quintino estufar as redes do Maracanã. No segundo tempo o gol histórico, por volta de 37 minutos, Nunes, em antológica jogada pessoal pela esquerda, fez 3 a 2 fazendo história com a camisa rubro-negra.

O mais querido do Brasil conquistava o primeiro título Brasileiro, seria o início de uma era de sucessivas conquistas Nacionais e Internacionais, um time que encantaria o Mundo, jogando com música com Maracanã e os demais estádios sempre lotados para ver o Mengão dar espetáculo. 

FICHA TÉCNICA:

FLAMENGO 3 X 2 ATLÉTICO/MG

FLAMENGO: Raul, Toninho, Manguito, Marinho e Júnior; Andrade, Carpegiani (Adílio) e Zico; Tita, Nunes e Júlio César.
Técnico: Cláudio Coutinho.

ATLÉTICO/MG: João Leite, Orlando (Silvestre), Osmar, Luisinho (Geraldo) e Jorge Valença; Chicão, Toninho Cerezo e Palhinha; Pedrinho, Reinaldo e Éder.
Técnico: Procópio Cardoso. 

Gols: Nunes 7, Reinaldo 8 e Zico 44 do primeiro; Reinaldo 21 e Nunes 37 do 2o;
Expulsos: Reinaldo, Chicão e Palhinha.

Local: Maracanã - Rio de Janeiro
Juiz: José de Asssis Aragão (SP);
Renda: Cr$ 19.726.210;
Público: 154.355;

Fonte: http://flamengo-noticia.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário